Cabify reforça compromisso de responsabilidade social com adesão ao Pacto Mundial das Nações Unidas

Cabify reforça compromisso de responsabilidade social com adesão ao Pacto Mundial das Nações Unidas

Categoria Business, Transportes

A plataforma de mobilidade Cabify acaba de aderir ao Pacto Mundial da Organização das Nações Unidas (ONU), tornando-se assim parte da maior iniciativa voluntária de Responsabilidade Social Corporativa (RSC), a qual é composta por mais de 13 mil entidades, com presença em mais de 160 países e baseada em 10 princípios universais.

Nos últimos meses, a Cabify apostou no desenvolvimento do seu departamento de Responsabilidade Corporativa, com o objetivo de tornar tangíveis a missão e visão da empresa através da criação de políticas, programas, tomada de decisão e ações que gerem um impacto positivo nas pessoas, no meio ambiente e nas comunidade. Esta aposta representa a concretização e articulação de um planeamento sustentável do negócio, que acompanha o seu crescimento e espelha o compromisso da marca para com os seus stakeholders e para com meio onde opera.

“Na Cabify, a RSC está intrinsecamente ligada à nossa essência e propósito enquanto empresa. A nossa estratégia de negócio está orientada com vista a desenvolver alternativas de mobilidade que impactem positivamente o bem-estar da população e que respeitem o ambiente onde nos movemos”, explica David Pérez, diretor global de RSC da Cabify. “Nascemos como uma alternativa a uma problemática atual que afeta todos os que vivem nas grandes cidades e procuramos ser muito mais do que um novo negócio, queremos ser um autêntico agente de mudança, que inspira outros e que contribui realmente para melhorar as cidades onde vivemos”, esclarece.

A primeira iniciativa anunciada no âmbito do compromisso social da Cabify desde a criação formal desta área é a adesão da empresa ao Pacto Mundial das Nações Unidas. O Pacto Mundial opera, desde 2000, com vista a angariar o compromisso de todo o tipo de organizações de aplicação e extensão dos seus Dez Princípios relacionados com direitos humanos, laborais, ambientais e de luta contra a corrupção. Como participante, a Cabify compromete-se a:

– Desenvolver as adaptações necessárias na sua operação para que o Pacto Mundial da ONU e os seus Dez Princípios se tornem parte da estratégia, cultura e operações quotidianas;

– Promover o Pacto Mundial das Nações Unidas e os Dez Princípios através dos canais de comunicação disponíveis;

– Comunicar anualmente aos seus stakeholders os esforços para implementar os princípios do Pacto Mundial da ONU, assim como publicar esta Comunicação sobre o Progresso (COP) no website do Pacto Mundial da ONU.

A Cabify partilha, desde a sua fundação, a convicção de que as práticas empresariais devem ajudar a que o mundo corporativo seja mais sustentável assim como social e economicamente mais inclusivo. A partir da sua missão, a empresa procurou sempre ser um agente cujo impacto positivo permita fazer das cidades um melhor lugar para se viver, imprimindo assim a preocupação com a sustentabilidade nos seus valores e princípios corporativos. E, nessa linha e para além da adesão ao Pacto Mundial, a sua área de Responsabilidade Social Corporativa fundamenta-se nos seguintes pilares:

– Fomento à participação dos colaboradores na melhoria contínua da empresa através de criação e partilha de códigos que promovem comportamentos éticos, diversidade, igualdade e não-discriminação, assim como um forte estímulo ao voluntariado corporativo;

– Manutenção de uma estreita relação com parceiros e motoristas através de ações de impacto direto como, por exemplo: plano formativo que informe sobre os valores da empresa, segurança, diversidade, igualdade, assim como fornecer serviços focados no seu descanso e cuidado pessoal através de parcerias e programas nos centros de onboarding;

– Minimização do impacto ambiental consequente da operação da Cabify através da compensação das emissões geradas pelos veículos que operam através da plataforma, assim como a implementação de planos de reciclagem nos escritórios. Em breve a empresa anunciará os seus planos concretos em questões ambientais.

– Envolvimento com a comunidade através da geração de projetos sociais locais orientados principalmente ao fomento da igualdade e segurança.

“A Responsabilidade Social na Cabify é algo que se trabalha de forma transversal, como uma alavanca que potencia e melhora os nossos processos, que nos ajuda na tomada de decisões e que minimiza os riscos que a nossa atividade possa gerar. Acreditamos que pensar no futuro e ser uma empresa socialmente responsável gera valor, não apenas para a Cabify mas para todas as comunidades onde operamos e é por isso que estamos a traçar o nosso caminho em direção a esse propósito”, conclui David Pérez.