Grupo Star Viajes prevê angariar 50 agências num ano em Portugal

Grupo Star Viajes prevê angariar 50 agências num ano em Portugal

Com 25 anos de experiência no mercado espanhol, o grupo Star Viajes acaba de iniciar a sua operação em Portugal. Numa altura em que o grupo pretende iniciar a sua expansão para fora de Espanha, Portugal surge nos planos do grupo de uma forma natural pelas boas relações entre os dois países, explicou esta manhã, num encontro com jornalistas, em Lisboa, Agustín Lamana, administrador do grupo Star Viajes. “Queremos crescer no mundo e o primeiro lugar em que pensámos foi Portugal”, afirmou o responsável, acrescentando que faz parte da estratégia do grupo avançar para o continente americano (centro e sul) no próximo ano, “já depois de consolidada a operação em Espanha e Portugal”.

Contando atualmente com 304 pontos de venda em Espanha, é objetivo do grupo Star Viajes angariar 50 agências portuguesas num ano, ou seja, até abril de 2016. “O nosso primeiro objetivo é procurar agências independentes que não estejam ligadas a nenhum grupo”, explicou Luís Pinto, diretor geral do grupo para Portugal. Aos agentes de viagens portugueses, o grupo Star Viajes tem para oferecer, para além “do aumento de rentabilidade”, programação própria, informação diária através de uma newsletter, “a melhor ferramenta de intranet”, composta por mais de cem ferramentas e através da qual os agentes de viagens do grupo podem aceder a plataformas de pesquisa de voos, comboios, cruzeiros, rent a car a preços negociados e competitivos, assim como o acesso a páginas de informação e reservas sobre assuntos relacionados com as viagens, como são, a obtenção de vistos, cambio de moedas, informação de incidentes, entre outros. O conta ainda com cerca de 50 correspondentes em destinos de todo o mundo.

Na mesma ocasião, Luís Pinto afirmou estarem já a ser feitos alguns contactos com operadores portugueses, dando conta de que “os contratos fechados com os operadores portugueses estarão disponíveis para as agências espanholas” e vice-versa. Com o intuito de se dar a conhecer ao mercado português, o grupo fará apresentações, a iniciar no próximo mês de maio, em algumas cidades. Lisboa, Porto e Coimbra estão já confirmadas.

Em 2015, o grupo Star Viajes, cujo principal negócio assenta no segmento de lazer, mas que não esquece também o turismo de negócios e MICE, faturou cerca de 611 milhões de euros, mais 6,9% do que em igual período de 2014. O número de passageiros cresceu também 3% face ao ano anterior. Segundo o responsável, “o facto de estarmos a crescer mais em faturação do que em número de passageiros quer dizer que estamos a vender mais caro, o que significa que a economia está a melhorar”.

Convenção Anual do Grupo Star Viajes do próximo ano poderá realizar-se em Portugal

A Convenção anual do grupo realiza-se de 13 a 15 de maio em Léon. Para 2017, avançou Luís Pinto, o objetivo é trazer o evento para Portugal. “Vamos ter uma reunião com a Câmara de Cascais que está interessada em ser a anfitriã do evento” que reunirá, este ano, cerca de 200 agentes de viagens e 40 operadores turísticos.

Raquel Pedrosa Loureiro