United restabelece alguns voos internacionais para ajudar passageiros a regressar a casa

United restabelece alguns voos internacionais para ajudar passageiros a regressar a casa

Categoria Business, Transportes

A United Airlines continua a ajustar os horários devido à baixa procura, mantendo a operação diária de e para seis destinos em cinco regiões do mundo (Ásia, Austrália, América Latina, Médio Oriente e Europa), anunciou a companhia em comunicado. A transportadora norte-americana refere que a programação internacional continua reduzida em cerca de 90% em abril mas a manutenção dos voos diários é um “esforço para ajudar os clientes. Sabemos que algumas pessoas em todo o mundo ainda precisam de voltar para casa”, justifica a operadora.

Até maio, continuamos a operar os seguintes voos:

  • Nova Iorque – Frankfurt (Voos 960/961)
  •  NovaIorque – Londres (Voos 16/17)
  • Nova Iorque – Tel Aviv (Voos 90/91)
  • Houston – São Paulo (Voos 62/63)
  • San Francisco – Tokyo-Narita (Voos 837/838)
  • San Francisco – Sydney (Voos 863/870)

Voos até 27 de março:

  • Nova Iorque – Amsterdão (Voos 70/71)
  • Nova Iorque – Munique (Voos 30/31)
  • Nova Iorque – Bruxelas (Voos 999/998)
  • Washington-Dulles – Londres (Voos 918/919)
  • San Francisco – Frankfurt (Voos 58/59)
  • Nova Iorque – São Paulo (Voos 149/148)

Voos até 29 de março:

  • San Francisco – Seoul (Voos 893/892)

Em destinos onde as ações governamentais impediram a realização de voos, a United Airlines afirma que procura ativamente formas de trazer os passageiros que foram afetados pelas restrições de voos para os EUA. Um solução que inclui trabalhar com o Departamento de Estado dos EUA e os governos locais para obter permissão para operar o serviço.