Volta Nacional: “É este o momento de tornar o turismo uma política europeia comum?”

Volta Nacional: “É este o momento de tornar o turismo uma política europeia comum?”

Diário de Notícias

“Lista de países sem restrições para entrar na UE fixada até 9 de junho”
Data avançada pelo ministro francês dos Negócios Estrangeiros. Jean-Yves Le Drian disse também que a UE está “muito vigilante” em relação aos britânicos devido à variante indiana.

Público

“É este o momento de tornar o turismo uma política europeia comum?”
O setor permanece envolvido num manto de imprevisibilidade. Em causa poderão estar entre seis a 11 milhões de postos de trabalho, explica Cláudia Monteiro de Aguiar, eurodeputada, que acrescenta que a quebra de turistas internacionais na Europa foi de 70%. O cenário é dramático e, entre especialistas, a retoma para valores pré-pandemia é apontada lá para 2024. O verão de 2021 “não será aquele balão de oxigénio” pelo qual o setor desespera. A eurodeputada defende “uma coordenação efetiva” do turismo ao nível da UE, concretizada através de várias medidas comuns.

Jornal i

“IVAucher a partir de junho para setores mais afetados”
O Governo vai lançar o programa IVAucher no início de junho. O objetivo é devolver aos contribuintes 200 milhões de euros “nos próximos meses” em receitas de IVA relativas a consumos nos setores mais afetados pela interrupção da respetiva atividade económica devido à pandemia, como restauração, cultura e alojamento.

Negócios

“Governo admite converter créditos de 1,5 mil milhões em capital”
O Governo está a estudar converter os empréstimos contraídos no âmbito das linha de crédito Covid-19, garantidos pelo Estado, em instrumentos de capital. No caso do turismo, estão em causa operações no valor total de 1.500 milhões de euros.

SOL

“O início da retoma do turismo”
A tão esperada lufada de ar fresco para o turismo chegou esta semana a Portugal. A retoma do tão importante mercado externo começou a acontecer e o turismo tem agora motivos para voltar a sorrir depois de meses sem qualquer proveito. E se a primeira semana correu bem, as perspetivas para o futuro são já as melhores.

“Ryanair prepara novo ataque”
A Ryanair não vai baixar a guarda. Desta vez, a empresa irlandesa prepara-se para avançar para tribunal para contestar o aval da Comissão Europeia que permitiu ao Estado português auxiliar a TAP com mais 462 milhões de euros no passado mês de abril.

Nota informativa: O ambitur.pt não se responsabiliza pela informação veiculada nos órgãos de comunicação social que engloba na sua Volta Nacional, constituindo o seu conteúdo sempre citação de informações.