“Turismo terá plano de aceleração que não apostará numa remodelação estrutural”

“Turismo terá plano de aceleração que não apostará numa remodelação estrutural”

Categoria Advisor, Política

Esta foi a garantia dada por Rita Marques, secretária de Estado do Turismo, num webinar promovido hoje pelo IPDT para o lançamento da 15ª edição da Revista Tendências Turismo’21. “O turismo terá um plano de aceleração que não apostará numa remodelação estrutural do setor”, esclareceu a governante, indicando que a questão aqui é “retomar a nossa trajetória”.

Reconhecendo que “estamos a viver um momento de viragem com expectativas realistas mas otimistas”, a responsável pela pasta de Turismo do atual Governo assegura que “este é o momento de podermos retomar”. E recorda que o turismo se tem mostrado “altamente competitivo” nos últimos anos, do ponto de vista internacional. A pandemia teve “um efeito avassalador sobre a procura” mas, acredita Rita Marques, “o setor não precisará de uma reestruturação”. “Temos sim que nos reinventar mas temos uma janela de oportunidade e um pacote de fundos europeus interessante”, acrescentou.

A secretária de Estado adiantou que, na próxima semana, haverá uma reunião com a Confederação do Turismo de Portugal (CTP) para se apresentar este plano de aceleração, e uma das preocupações é a capitalização das empresas do setor: “queremos recuperar os níveis de capitalização das nossas empresas”, afirmou. Outras prioridades passam pela requalificação da oferta e por um reforço das competências dos trabalhadores turísticos. “Será um plano muito ambicioso”, assegura Rita Marques.

E explica que os territórios terão um papel fundamental neste programa de aceleração, até porque terão acesso a financiamento. “Estamos a trabalhar com territórios, municípios, de modo a garantir que o turismo continua a contribuir para maiores níveis de coesão”, disse.

No que diz respeito à internacionalização, a governante indica que está a ser feito um esforço para reativar as ligações internacionais, de forma rápida e harmonizada.

Inês Gromicho